NOTÍCIAS

A importância do associativismo na busca de forças no conjunto, para driblar as limitações do isolamento.

Data: 27/10/2017

A sobrevivência das empresas, principalmente as de pequeno porte, em um mundo globalizado, onde maiores exigências são criadas a cada dia, é um fator de preocupação para o governo e para entidades financeiras e de apoio empresarial no Brasil, que entre outros fatores, precisam buscar alternativas efetivas para os empreendedores e profissionais que trabalham com esse setor da sociedade.

Essa busca de alternativas se torna ainda mais necessária quando se leva em conta o apontamento pelo Sebrae sobre  a taxa de mortalidade empresarial no Brasil, apurada entre as empresas constituídas e registradas nas juntas comerciais dos estados brasileiros, mostra o preocupante dado de que 49,4% das empresas encerraram as atividades com até 02 (dois) anos de existência, 56,4% com até 03 (três) anos e 59,9% não sobrevivem além dos 04 (quatro) anos.

Assim, elevar a competitividade e consequentemente a sobrevivência das micro e pequenas empresas é o objetivo principal do Empreender, um programa que busca incentivar a busca de novos mercados e tecnologias, sensibilizar os empresários para adoção de posturas frente aos desafios atuais e futuros e desenvolver lideranças empresariais.

O  Projeto Empreender é de iniciativa da CACB ( Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil), em parceria com o SEBRAE Nacional, que visa o fortalecimento da micro e pequena empresa ao reunir empresários, estes chamados núcleos setoriais. Neles, os empresários discutem seus problemas e buscam soluções conjuntas com apoio de um profissional vinculado à entidade empresarial.

O programa funciona no Brasil há mais de 20 anos, tendo atendido aproximadamente 70 mil empresas em todas as unidades federativas, e já foi premiado internacionalmente como um dos melhores projetos para o desenvolvimento de micro e pequenas empresas, pelo ICC (International Chambers of Commerce), em Paris.

Os núcleos setoriais são grupos de empresários de um mesmo segmento que se reúnem periodicamente nas Associações Comerciais. Nos núcleos, os empresários, com o apoio de um consultor, cujo papel principal é o de moderar as reuniões, discutem problemas comuns e buscam soluções conjuntas. O diferencial de tantos outros programas é que no Empreender as soluções vêm “de baixo para cima”, ou seja, são apontadas e executadas pelos próprios empresários. Para tanto, o consultor, como facilitador das reuniões, faz uso de uma metodologia específica para trabalho com grupos originada na Alemanha, denominada METAPLAN. A metodologia METAPLAN agrega a já conhecida tempestade de idéias em grupos (brainstorming) e a busca de metas e ações conjuntas.

Empreender na ACE Socorro

 O que reflete com fidelidade o espírito do Programa Empreender é a forma de associativismo que ele propõe. Ninguém é obrigado a participar de um núcleo setorial. O convencimento vem pela nova visão de parceria, na qual o concorrente, longe de ser um competidor, é um cooperador de seu concorrente. E ainda com um diferencial: todos ganham.

O Empreender é um  benefício da ACE/Socorro, da qual eleva a competitividade das micro e pequenas empresas e promove o desenvolvimento organizacional da entidade que o acolhe, sendo o único Empreender do Circuito das Águas que funciona, e um dos poucos da RA16, assim como de todo o estado de São Paulo.

O Empreender tem como objetivo mobilizar as empresas e formar Núcleos Setoriais para a troca de experiências e auxílio, visando a conquista de novos mercados e contribuindo para o desenvolvimento socioeconômico do município.

EMPREENDER COMPETITIVO

Através de uma parceria entre a ACs,  FACESP, CACB o SEBRAE, estão abertas as inscrições para a Projeto do Empreender Competitivo.

O objetivo dessa iniciativa é promover o aumento da competitividade das empresas participantes do Programa Empreender no Estado de São Paulo, por meio do apoio à execução de projetos apresentados por núcleos setoriais consolidados, ligados às associações comerciais que compõem o Sistema FACESP.

Uma observação relevante é que só serão aceitos projetos de núcleos setoriais que tenham mais de dois anos de existência.

Para maiores informações entrar em contato pelo telefone (19) 3895-2019 ou 3895-3666 ou na sede Avenida Coronel Germano. 456 Centro Socorro/SP 

JUNTOS SOMOS MAIS FORTES!
EMPRESÁRIO UNIDO, COMERCIO FORTE!


<< Voltar